A Manina Que Via Negro

"Quando tudo o que resta é a dor e o sofrimento, o que se pode fazer?
Se tudo o que vejo é negro, o que se pode fazer além de se acostumar a isso?
Ver tudo negro não quer dizer que eu esteja cega, mas que não vejo mais cor e nem alegria em mais nada. Não sei se foi por ter sido tão boa e ter me magoado tanto que eu parei de acreditar no amor.
É estranho como antes, mesmo sendo muito magoada o tempo todo, eu acreditava tanto no amor e via tudo tão colorido e agora que deixei de ser tão boboca só consigo enxergar a cor negra.
Sempre fui a boa menina, a que ajudava os outros mesmo tendo sido magoada por elas, a que era ingênua e meiga, mas hoje isso mudou, não sou mais aquela boa menina de antes, não sou ingênua, não me machuco mais...
Eu reconheço que mudei, mas foi só para me proteger."
Dizia a menina cujo os olhos hoje vêem as cores hoje, mas que um dia já enxergou tudo completamente negro.

2 comentários:

  1. Nossa que lindo esse texto! É autoria própria?
    Adorei essa comparação do sentimento com a cor!

    Parabéns pelo blog, ele é muito lindoo! *--*
    Beijoos :*

    http://meuuniversox.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim é meu mesmo, obrigada (=
      Que bom que gostou >..<

      Excluir

Vamos verificar seu comentário!
Obrigada por te-lo feito!