Meu Mundo

      Estou mais uma vez escondida em minha cama, com meus fones de ouvido no máximo e uma batida de rock bem pesado.
Faço isso para tentar esquecer todos os meus problemas.
      Minha mãe vive brigando comigo por causa do volume dos fones, ela vive dizendo que um dia ainda vou ficar surda, mas ela mal sabe que é essa a intenção, pois assim não tenho que ouvir a sociedade falando tanta besteira.
      Não aguento mais ficar na cama, então pego meu skate para ir até a pracinha perto de casa.
     Estou tão desnorteada com todos os pensamentos que eu queria poder não tirar da minha mente que nem sei mais onde estou indo. Tudo o que eu vejo são borrões. Eu queria ir para a praça, mas é tanta coisa na minha mente que nem sei mais se ela já passou ou não.
      Chego em um campo aberto e percebo que a pracinha passou faz tempo, pois vim parar no parque que fica no centro do bairro. Me jogo em um banco qualquer e, por lá, fico horas e horas seguidas. As pessoas vão passando e olhando para mim pensando que eu sou uma delinquente por causa das minhas roupas.
      Não é para menos, estava toda largada no banco da praça, com os fones de ouvido, meu skate do lado e a roupa também ajuda, pois estou com uma blusa preta caída em um ombro, uma meia-calça arrastão com short's jeans curto e meu all star preto surrado. Eu em geral sou muito brigona e não suporto nem um olhar feio dirigido a mim, mas hoje estou sem vontade até de brigar, pois tudo o que eu queria era morrer, pois junto de Deus eu sei que seria mais feliz.


E aí? O que acharam do texto? Espero que tenham gostado!
Beijinhos Dourados!



Image and video hosting by TinyPic

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Vamos verificar seu comentário!
Obrigada por te-lo feito!